Menu

Title

Subtitle

Tráfego Ilimitado E Adwords Pro Seu Sítio Internet


Coaching: O Mercado Que Movimenta Mais De U$ 2,3 Bilhões Ao Ano


O primeiro passo pra fazer a roupa escolhida é saber qual é o teu manequim. Pra esta finalidade, comece tirando as tuas medidas. Você precisa permanecer em frente a um espelho ou requisitar a assistência de alguém para que a fita métrica fique retinha e não altere o resultado. Comece amarrando um barbante na cintura e siga as orientações do desenho ao lado. Confronte as medidas obtidas com as da tabela abaixo. Nunca faça comparações com as medidas do molde. Faça os ajustes necessários na peça. Passe a fita métrica em torno da divisão mais saliente do busto ou tórax e das costas, nas omoplatas. Envolva a cintura com a fita métrica.


Contorne a fração mais saliente, pela altura das nádegas. Meça a distância da cota mais alta do ombro, na apoio do pescoço, até a cintura. Esta medida só é essencial para costas largas demais ou muito estreitas; com os braços cruzados pela frente, meça, nas costas, a distância entre as axilas. Passe a fita em torno da parte mais larga do braço. Meça, pela base do pescoço até o limite, a ligação do braço.


Para medir corretamente o cavalo da calça, você precisa marcar a cintura com um barbante. Logo em seguida, sente-se com a coluna ereta e meça exatamente a distância entre a cintura e o suporte da cadeira. 1. Veja nas explicações do padrão o tamanho do molde que você escolheu e como é o seu traçado (cada tamanho tem um tipo de traçado diferente) para localizá-lo na folha de molde. 2. Contorne o desenho de todas as partes da peça escolhida com uma caneta ou lápis de cor contrastante.


3. Copie cada peça e as indicações internas em um papel transparente. Se preferir, transfira os desenhos para um papel do tipo kraft. Outra opção é copiar os desenhos colocando o papel kraft ante um papel-carbono e, sobre isso eles, a folha de molde. Contorne os desenhos com um rolete. O pequeno traço vertical interrompendo uma das extremidades indica o limite da abertura. Seguindo a direção indicada na seta, aumente através do ponto apoiando uma régua a respeito da linha do molde. A capacidade em centímetros é dada na própria linha. Círculo com uma cruz no centro, onde deverá ser aprisionado o botão ou a pressão depois da prova.


  1. Planeje o folder

  2. Terá todo suporte da própria Alessandra

  3. 2: Estudar a Concorrência

  4. Fuja do modelo padrão essencial

  5. 1/nove (Flickr/Creative Commons/Nan Palmero)

  6. Atinja teu centro onde ele estiver

  7. Como conseguir parcerias

  8. Propósito del préstamo



  9. Indica o espaço onde se precisa fazer a moradia do botão. Quer dizer esticar o tecido no trecho indicado com o ferro de atravessar. Sinaliza que a peça não possui costura no meio. Deve-se dobrar o tecido, colocar essa linha sobre a dobra, riscar e cortar, obtendo uma peça inteira. Significa fazer uma suave redução antes da costura. Sempre paralelo à ourela do tecido, esse fio serve pra orientar a posição da peça em conexão ao tecido.


    Significa que aquele trecho tem que ser reduzido. Utilizada em tecidos listrados ou xadrezes para nortear pela montagem, de forma a fazer com que os motivos correspondam. São os pequenos números localizados nos cantos das peças. Eles devem coincidir pela costura. No momento em que, na Folha de Moldes, a peça for dividida numa ou mais partes, o molde estará cortado por uma linha reta com letras nas extremidades. Ao reunir as letras parecidos, você obterá uma peça inteira no papel.


    Tenha muito cuidado ao juntar as peças, pra impedir que elas fiquem tortas. · A capacidade do comprimento varia conforme a peça. Para blazers, comece a partir do ombro, na base do pescoço, até o ponto desejado. Saias e calças, estenda a fita pela lateral da cintura até a altura desejada.


    As medidas das mangas variam de acordo com a peça. O melhor é fazer uma prova envolvendo o braço com o molde de papel e fazer os ajustes necessários. · Se você não tem muita prática com a costura, antes de apagar no tecido definitivo, faça uma prova em um forro para testar as marcações e fazer todos os ajustes necessários. · Caso alguma peça esteja dividida em uma ou mais partes pela folha de molde, una todas as partes antes de suprimir o tecido, formando uma peça inteira no papel.

Go Back

Comment

Blog Search

Blog Archive

Comments

There are currently no blog comments.